Como seria se aprendêssemos sobre gestão de projetos desde a escola?

Seria maravilhoso! Já adianto a sua resposta. A gestão de projetos ajuda a desenvolver habilidades de gerenciamento da sua vida na área de comunicação, tempo, dinheiro, riscos e muitos outros aspectos.

Usamos a gestão de projetos para fazer um churrasco com amigos, para escolher os cursos durante a escola, para escolher e cursar uma graduação, para planejar o casamento, ter filhos e até mesmo para o batizado da criança.

Dessas ações que eu citei acima, o que elas têm em comum? Essas atividades são temporárias, ou seja, possuem começo, meio e fim (assim como uma festa ou escrever um livro). Esse é o significado de projeto. Que é diferente de uma operação em que sua principal característica é ser contínua.

Quais são as características de um projeto?

  • Prazo definido (para início e término);
  • Precisa de planejamento (bem como execução e controle);
  • Tem um resultado (produto, serviço, evento);
  • Existem etapas de desenvolvimento (ou evolução);
  • Envolve pessoas (uma equipe);
  • Geralmente possui recursos limitados.

Então, por que não desenvolver habilidades tão importantes desde cedo?

O gerenciamento de projetos nada mais é que a aplicação de técnicas, conhecimento e habilidades para garantir o sucesso de um projeto. Vale repetir que um gerenciamento bem feito é essencial para que qualquer empreendimento tenha sucesso.

Assim como português é essencial para se comunicar e matemática para resolver questões práticas financeiras do dia a dia, a gestão de projetos permite que as pessoas se organizem e consigam trabalhar em equipe (com planejamento estratégico) e, em contrapartida, cheguem melhor às universidades e ao mercado de trabalho.

Atualmente, cada dia mais as empresas estão investindo em gestão de projetos. Independente da área de atuação e serviço prestado. Afinal de contas, qualquer ideia (até as melhores do mundo) se não forem executadas por profissionais altamente capacitados pode fracassar sem o gerenciamento de projeto realizado de forma correta e bem articulada.

Para alcançar o sucesso de projeto (sabe aquele batizado que eu falei do início? Pode ser ele também) precisamos implementar uma metodologia de gestão que abarque todos os setores  da empresa (ou da vida) para possibilitar fluidez no andamentos das atividades necessárias para alcançar as metas.

Por isso, se as escolas ensinassem as habilidades necessárias para os estudantes se tornarem bons gerentes de projetos, teremos profissionais que dominarão as áreas de conhecimento essenciais para desenvolver um excelente projeto!

Quais seriam essas áreas?

  • Gerenciamento de Comunicações;
  • Gerenciamento de Tempo;
  • Gerenciamento de Custos;
  • Gerenciamento de Integração;
  • Gerenciamento de Risco;
  • Gerenciamento de Escopo;
  • Gerenciamento de Qualidade;
  • Gerenciamento de Aquisições;
  • Gerenciamento de Partes Interessadas;
  • Gerenciamento de Recursos Humanos.

Os projetos são muito importantes e, com certeza, terá grande impacto em todos os envolvidos. Quando falamos de projetos corporativos esses resultados podem ser ainda mais impactantes, pois geram receita, melhor desempenho da equipe, diminuem os custos, entre outros benefícios. Sendo assim, quando uma empresa implementa um grande projeto ela precisa de um profissional capacitado para a ação: o Gerente de Projetos.

Sendo assim, a pessoa que vai implementar uma série de metodologias que farão o planejamento se tornar uma realidade dentro do universo da empresa precisa estar preparada!

 

Sobre admin

Sobre o Colunista: Hayala Curto, CEO da Seed e idealizador do software NetProject. Principal acionista da empresa, Hayala é Mestre em Informática e graduado em Ciência da Computação pela PUC-MG. MBA em Gerência de Projetos e MBA em Gestão Empresarial pela FGV.
Tem mais de 15 anos de experiência profissional, coordenando projetos de TI e implantando Escritórios de Projetos em clientes de diversos portes e segmentos. Participou da abertura de 3 empresas. A primeira faliu, a segunda foi vendida e atualmente trabalha como CEO na terceira.
É certificado PMP desde 2005, PMI-SP e PMI-RMP, pelo PMI. Também é certificado IPMA-C, Prince2 e CSM. Apaixonado por Gerenciamento de Projetos, atua como docente na área, em cursos de pós-graduação/MBA, desde 2009.

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.